O festival Brasil Sabor chega a sua 13ª edição enaltecendo e surpreendendo com os novos sabores da gastronomia. Promovido pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), o circuito acontece simultaneamente em todas as capitais do país e, traz nesta edição de 2018 o tema “Edição Sabor São João”. Na capital mineira serão 24 bares e restaurantes participando do circuito que acontece entre os dias 17 de maio e 3 de junho.

De acordo com o presidente da Abrasel-MG, Ricardo Rodrigues, a ideia do festival é oferecer ao público a oportunidade de degustar pratos especialmente escolhidos para o evento, a preços diferenciados, levando em consideração a especialidade da casa, suas caraterísticas e as tradições que melhor a representem. “A culinária junina se evidencia pela sua peculiaridade no preparo dos pratos típicos. Isso sem falar que eles [os pratos], assim como a festa, fazem parte da nossa cultura popular. Então porque não trazê-los para a mesa dos bares como forma de celebrar essa época gostosa do ano”, afirma Rodrigues.

Para Ricardo, o Festival ‘Brasil Sabor’ reafirma, em mais uma edição, a contribuição que os circuitos proporcionam ao setor de alimentação. Isso porque, segundo o empresário, eles valorizam a comida regional e a aproximação do produtor local e da cadeia produtiva com os demais setores envolvidos no desenvolvimento da economia de nosso país.

A expectativa dos organizadores do Brasil Sabor é de crescimento de 20% no movimento das casas participantes. “É uma ótima oportunidade para os comerciantes descobrirem novos sabores, com a união de ingredientes já tradicionais em nossas mesas, testarem a criatividade e o conhecimento dos cozinheiros, além de reafirmarem a culinária junina como elemento gastronômico e cultural”, finaliza. Confira os restaurantes participantes da 13ª Edição do Festival Brasil Sabor:

Academia: Arroz caipira e costelinha melada. Arroz com torresmo destruído, milho cozido, costelinha com caldo de rapadura, manteiga, cachaça, gengibre e cebola ralada. R$ 45,90 (serve duas pessoas). Rua Francisco Bicalho, 2200, Caiçara.

Academia, arroz caipira e costelinha melada  Foto/Valéria Marques

Assacabrasa Lourdes: Pula a fogueira. Mix de carne suína defumada no vinho tinto com polenta cremosa e crispy de couve. Preço: R$16,90 (serve uma pessoa). Rua Rio de Janeiro, 2101 – loja 2107, Lourdes.

Baiana do Acarajé: Vatapá de badejo com camarão. Badejo com camarão cozido no leite de coco e dendê servido com vatapá. Acompanha arroz branco e farofa. R$99 (serve duas pessoas).  Rua Antônio de Albuquerque, 440, Savassi.

Bar Ideal: Kiev de Frango. Delicioso filé de peito de frango recheado com mix de manteiga, queijo parmesão, gengibre, empanado na farinha de trigo e servido em cama de creme de milho. R$ 39,60 (serve duas pessoas). Rua Sergipe, 1187, Savassi. 

Boi Vitório: Lagarto no sabugo. Delicioso lagarto de angus com bechamel de milho, servido com 5 bolinhos de milho com molho picante e 2 brigadeiros de milho na palha. R$ 35,90 (serve duas pessoas).  Av. Afonso Pena, 4374, Mangabeiras. 

Lagarto no Sabugo, do Boi Vitorio  Foto/Valéria Marques

Cafeteria da Fazenda: Carne na lata à mineira. Delicioso pernil suíno (700 gramas) preparado à moda mineira. Acompanha arroz branco, taioba refogada, ovos fritos e molho de queijo. R$ 45 (serve duas pessoas). Endereço: Rua Montes Claros, 752, Anchieta.

Casa Cheia Restaurante, Mercado Central: Porconóbis de Sabugosa. Costela suína, linguiça calabresa, milho verde cozido e ora-pro-nóbis servido com especiarias. R$46 (serve duas pessoas). Av. Augusto de Lima, 744 – loja 167, Centro.

Casa Cheia Restaurante, Savassi: Porconóbis de Sabugosa. Costela suína, linguiça calabresa, milho verde cozido e ora-pro-nóbis servido com especiarias. R$46 (serve duas pessoas). Rua Cláudio Manoel, 784, Funcionários.

Chalé da Mata: Costelão à moda Junina. Costelão de boi temperado com alho, cebola, gengibre e sal e assado à moda Chalé da Mata. Acompanha anéis de cebola. Uma combinação suculenta e saborosa com toque do interior. R$ 25,90 (serve duas pessoas).  Av. Engenheiro Carlos Goulart, 1123, Buritis. 

Costelão à moda junina, do Chalé da Mata  Foto/Valéria Marques

Dona Lucinha: Ioiô com Iaiá. Engrossado de fubá (Ioiô) com costelinhas (Iaiá) e mostarda ou couve rasgada (molambo). Pode ser servido em companhia de arroz, feijão e couve ou puro, em modo de sopa.  R$ 26 (serve duas pessoas). Rua Padre Odorico, 38,  Savassi . 

Laicos: Estrelas de São João. Canjica ao queijo canastra curado, tiras de filé ao vinho branco e lascas de amendoim torrado.  R$20 (serve uma pessoa). Rua Ceará, 1580, Savassi.  

Maria das Tranças, São Francisco: Frangonóbis. Frango ora-pro-nóbis, hortaliça originária do continente americano e marcante na culinária mineira, servido com tradicional angu, arroz branco, milho verde e farofa de amendoim. R$65 (serve duas pessoas.). Rua Estoril, 983, São Francisco.

Maria das Tranças, Savassi: Frangonóbis. Frango preparado com o ora-pro-nóbis, hortaliça originária do continente americano e marcante na culinária mineira, servido com tradicional angu, arroz branco, milho verde e farofa de amendoim. R$ 65 (serve duas pessoas). Rua Professor Morais, 158, Funcionários.

Marina’s Bar e Restaurante:  Atolada no milho. Maçã de peito cozida com mandioca e milho verde, acompanhada da saborosa farofa de milho e alho assado. R$ 29,90 (serve duas pessoas). Rua José Barone, 13.

Pampulha Stand Bar:  Bambá de São João. Bambá de couve com carne suína flambada na cachaça acompanhado de torradas. R$14,90 (serve uma pessoa). Avenida Guarapari, 185 A, Santa Amélia.

Paracone: Costelinha “PANC’. Costelinha marinada com cachaça, cozida com a técnica do “pinga” e finalizada com ora-pro-nóbis, servida com angu de moinho d’água, cozido por horas, e arroz com alho. R$32 (serve duas pessoas). Avenida Brasil, 920, Funcionários.

 Costelinha Panc, do Paracone  Foto/Valéria Marques

Pizzaria Estação Parada do Cardoso: Pizza Anarriê. Pizza de mussarela preparada com espetinho de contrafilé desconstruído, envolvido em farinha de mandioca e legumes salteados com calda de rapadura. R$44, 90. Rua Dores do Indaiá, 399/409, Santa Tereza.

Reciclo. Arraiá de Belô. Risoto com raspas de milho, mesclado com linguicinha artesanal mineira flambada na cachaça da roça com rapadura. R$25 (serve uma pessoa). Rua Ouro Fino, 452, Área especial XIII, Mercado do Cruzeiro.

Arraiá de Belô, do Reciclo  Foto/Valéria Marques

Restaurante Escola Promove: Franguinho do Arraiá. Sobrecoxa cozida à moda da casa da vovó, pirão de frango, batatinhas douradas com alecrim, ora-pro-nóbis e arroz branco. R$29 (serve uma pessoa). Rua dos Timbiras, 1560, Lourdes.

Franguinho do Arraiá,  do restaurante escola Promove   Foto/Valéria Marques

Sport Bar Pizzaria. IL Peccato Junino. Pizza de paçoca de carne de sol com cebola roxa, puxada na manteiga de garrafa e cubos de queijo coalho flambado. R$39,90 (serve quatro pessoas).  Avenida dos Andradas, 3700.

Verdinho: Maminha Junina. Maminha marinada no vinho branco e ervas especiais. Acompanha mandioca cozida servida com manteiga de garrafa. R$ 29,90 (serve duas pessoas). Avenida Cônsul Antônio Cadar, 122 – loja 02/37, São Bento.

Xico da Carne, Cidade Nova: Picanha Junina. Picanha premium assada na brasa, regada ao molho chimichurri, servida com mandioca e manteiga de garrafa e farofa de amendoim. R$ 59,98 (serve três pessoas).  Rua Doutor Júlio Otaviano Ferreira, 772, Cidade Nova.

Xico da Carne, Santa Inês: Picanha Junina. Picanha premium assada na brasa, regada ao molho chimichurri, servida com mandioca e manteiga de garrafa e farofa de amendoim. R$ 59,98 (serve três pessoas). Avenida Contagem, 1966, Santa Inês.

Varginha/MG: Água Doce – Sabores do Brasil:  Carne de Sol. Carne típica do nordeste brasileiro, preparada através da secular forma de conservação proporcionando sabor único e especial. Acompanha a deliciosa mandioca frita e pimenta da casa. R$40 (serve duas pessoas). Av. Salum Assad David, 6, Santa Luzia/MG

Serviço:

13º Festival Brasil Sabor

Data: 17 de maio a 3 de junho de 2018

Local: Bares e restaurantes participantes Belo Horizonte e Região Metropolitana.