O Dia Mundial do Hambúrguer é comemorado no dia 28 de maio. Irresistível e muito apreciada, a iguaria vem conquistando os paladares a cada dia,  com as versões artesanais das modernas hamburguerias.

Mas como o hambúrguer é saboroso e igualmente calórico, seu consumo deve ser feito com cuidado. Para quem não abre mão da iguaria, optar pelo consumo em casa é a recomendação da nutricionista Júlia Mendoza, especialista em nutrição clínica, esportiva e estética: “O ideal, caso você não consiga ficar sem o hambúrguer é priorizar o preparo caseiro e dar a receita um toque mais saudável com simples substituições”, explica.

Para quem não quer sair da dieta, a recomendação de Júlia é acrescentar vegetais, dar preferência ao pão artesanal ou integral, com uma farinha de boa qualidade (evitar a farinha branca) e fermentação natural. Além disso é importante escolher a salada como acompanhamento. A nutricionista alerta sobre a cautela com os queijos e molhos e sugere substituir os queijos prato e cheddar, que são muito gordurosos, por opções mais magras, como o queijo minas ou a mussarela de búfala. Quanto aos molhos, eles podem aumentar muito o valor calórico, por isso o ideal é deixá-los separados do hambúrguer, assim é mais fácil controlar a quantidade consumida.

Outra recomendação da nutricionista é escolher as batatas assadas, que já são encontradas em hamburguerias artesanais. Para os mais rigorosos com a dieta, o ideal é dispensar o pão.

Segundo Júlia Mendoza, o consumo do hambúrguer deve ser feito com moderação e  nunca  deve substituir uma refeição. Isso porque quem troca um prato contendo salada, uma carne, arroz e feijão por uma promoção de fast food, com refrigerante, batata frita e sanduíche, consome quase o dobro de calorias. “Enquanto a primeira opção contém, mais ou menos, 550 kcal, o combo promocional em torno de 1000kca”, compara a especialista.

Entretanto, Júlia enfatiza que não é preciso deixar de consumir a iguaria, mas sim adaptá-la de uma maneira que fique menos calórica e mais saudável. Confira duas receitas especiais de hambúrgueres saudáveis. 

Hambúrguer Bovino

Ingredientes: 500 g de patinho sem gordura moído. 2 colheres de sopa de azeite. 1 cenoura ralada. 1 cebola picadinha. 2 colheres de sopa de salsinha picadinha. 2 colheres de sopa de aveia (farelo ou flocos). Sal e pimenta do reino a gosto.

Hamburguer bovino  Foto/Aline Costa

Modo de preparo:

Refogue a cenoura e a cebola no azeite. Depois, em uma tigela, junte a carne, a aveia, o refogado, o sal e a pimenta. Misture bem com as mãos, faça uma bolinha e amasse até conseguir formar o hambúrguer. Em seguida, leve à chapa bem quente com um pouco de azeite e doure dos dois lados.

Hambúrguer de Frango

Ingredientes: 600 g de peito de frango moído. 1 cebola ralada. 4 colheres de sopa de farinha de arroz, de grão de bico ou de aveia (pode bater o floco ou o farelo de aveia no liquidificador até virar uma farinha mais fina).1 clara. 1 colher (sopa) de molho de mostarda. 2 colheres (chá) de azeite. Sal a gosto.

Modo de preparo:

Em uma tigela junte todos os ingredientes menos o azeite. Misture bem com as mãos. Cubra com um filme e leve à geladeira por 15 minutos. Depois divida a massa em seis partes. Com as mãos faça uma bola com cada parte e aperte cada unidade até formar um hambúrguer redondinho. Aqueça o azeite em uma frigideira e doure o hambúrguer por, aproximadamente, 3 minutos de cada lado ou até estar bem assado por dentro.