No próximo sábado, 11 de agosto, acontece no Memorial Minas Gerais Vale, no Circuito Liberdade, a exposição “13 vezes FIT”. As edições do FIT BH -Festival Internacional de Teatro Palco e Rua de Belo Horizonte serão apresentadas através de coberturas oficiais realizadas por nove fotógrafos, no período de 1994 a 2016.

O lançamento é feito às vésperas do início da 14ª edição, programada para o período de 13 a 23 de setembro de 2018. O público poderá conferir os trabalhos dos fotógrafos Daniel Protzner, Eugênio Sávio, Fredy Antoniazzi, Glenio Campregher, Marco Aurélio Prates, Nereu Jr. e Samuel Mendes, além dos curadores Guto Muniz e Kika Antunes. A retrospectiva fotográfica fica em cartaz até 4 de outubro.

“O trabalho desses profissionais foi muito além de uma simples fotografia de cena. Eles mergulharam fundo em cada espetáculo, na trajetória de cada companhia e de seus diretores”, reforça Guto. Kika Antunes também detalha que “eles perceberam a interação do trabalho com o público e com cada diferente espaço de apresentação. Tornaram perene todo o efêmero do teatro em sua relação com a cidade”.

Exposição FIT no Memorial Minas Gerais Vale    Foto/Guto Muniz

Além de imagens que marcaram o maior festival das artes cênicas de Minas Gerais, a exposição relembra momentos importantes da história da fotografia, como a transição do filme para o mundo digital e as imagens coloridas que aos poucos ocuparam os jornais. Se foi um desafio para o fotógrafo Eugênio Sávio, único responsável pela cobertura de 1994, não foi diferente para Guto Muniz, responsável direto pela cobertura de todas as doze edições que se sucederam, e para os fotógrafos convidados por ele para integrarem a equipe de cobertura. O olhar leve, a sensibilidade e o respeito pelas artes cênicas é o que esses profissionais revelam na beleza dos trabalhos apresentados na exposição. Com igual respeito, sensibilidade e talento vieram para a equipe  Kika Antunes, presente em onze edições, Fredy Antoniazzi, Glenio Campregher, Daniel Protzner, Nereu Jr e Marco Aurélio Prates.

Entre os desafios de registrar o FIT, está a captura da melhor imagem enquanto o espetáculo acontece, sem tirar a atenção do público. “Nas imagens que selecionamos, é possível perceber como foram discretos. Entraram em cena quando foram convocados. Chegaram até a se disfarçarem de integrantes das companhias, a pedido delas, para não serem notados”, afirma Kika.

A exposição “13 vezes FIT” é um convite para espectadores recordarem histórias marcantes de cada edição, “na expectativa de viverem muitos outros momentos nas próximas edições do FIT”, reforça Guto Muniz.

Serviço:

Lançamento da exposição “13 vezes FIT”, no Memorial Minas Gerais Vale

Local: Memorial Minas Gerais Vale. Praça da Liberdade, 640, esq. Gonçalves Dias, Funcionários, Belo Horizonte/MG

Abertura: 11/8, às 11h, em cartaz até 4 de outubro de 2018. Entrada gratuita

Horário: conforme funcionamento do museu:  terças, quartas, sextas e sábados: 10h às 17h30, com permanência até 18h. Quintas: 10h às 21h30, com permanência até 22h. Domingos: 10h às 15h30, com permanência até 16h.  http://www.memorialvale.com.br