Belo Horizonte recebe o espetáculo PI – Panorâmica Insana que traça um grande panorama sobre o indivíduo e questiona a viabilidade do mundo atual. O espetáculo chega à capital mineira através do Festival Teatro em Movimento, por meio da lei Federal de Incentivo à Cultura.

“PI-Panorâmica Insana” foi eleito o Melhor Espetáculo do Ano pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA). Em São Paulo, fez a sua estreia dia 1 junho de 2018 e ficou em cartaz até 29 de julho, com todas as sessões esgotadas. Em Belo Horizonte serão duas apresentações no grande teatro do Sesc Palladium, dias 23 e 24 de março de 2019, sábado e domingo.

Bia Lessa assina a direção e concepção do espetáculo. O elenco, formado por Cláudia Abreu, Leandra Leal, Luiz Henrique Nogueira e Rodrigo Pandolfo, vive mais de 150 personagens de diferentes nacionalidades. O texto foi escrito em conjunto por Júlia Spadaccini, Jô Bilac e André Sant’anna, com citações de Franz Kafka e Paul Auster.

Rodrigo Pandolfo, Leandra Leal, Luiz Henrique Nogueira e Cláudia Abreu em “PI”   Foto/João Caldas

Baseado em pessoas e dados reais, o espetáculo projeta uma lente de aumento sobre a sociedade e traça um painel irônico do mundo contemporâneo. “A peça é um grande painel da humanidade, com suas mais urgentes, profundas e superficiais questões”, explica Cláudia Abreu, uma das idealizadoras da montagem, ao lado de Luiz Henrique Nogueira.

PI – Panorâmica Insana

O espetáculo aborda temas que afetam as condições de vida e questiona se as atitudes da humanidade produzirão um futuro apocalíptico ou se ainda é possível corrigir uma série de problemas estruturais que estão dizimando o planeta.

O texto foi construído durante os ensaios. Os atores criaram uma série de improvisações e algumas foram incorporadas à dramaturgia final do espetáculo, que é estrutrado através do diálogo com a dança, artes plásticas e performance.  “A gente se colocou em experimentação, tudo foi criado a partir do encontro entre os atores e os textos. É um teatro de inconformidade, de risco, que busca criar uma experiência”, explica a diretora.

Cena do espetáculo  “PI – Panorâmica Insana”     Foto/João Caldas

Idealizado por Cláudia Abreu, o projeto teria inicialmente, como foco os “excluídos sociais”, mas a chegada de Bia Lessa ampliou a temática, na busca de traçar um painel ilimitado de temas que afetam as condições de vida da humanidade.

‘Pi’ é uma abreviação para ‘Panorâmica Insana’, mas remete também ao símbolo matemático “pi” (π), reforçando a ideia de fração infinita. A peça não busca apresentar um diagnóstico fechado, uma verdade cristalizada. É o momento, o “entre” o que foi feito e o que está por vir.  O agora é ‘entre’, um intervalo, um impasse. A multiplicidade de personagens e as mais de onze mil roupas espalhadas pelo cenário reforçam essa ideia de pluralidade, de excessos e saturação, pelos quais passa o próprio planeta. “Queríamos olhar para os excluídos e agora falamos sobre um sistema de vida que justamente cria essas exclusões”, afirma Nogueira.

Ficha Técnica: Textos: Júlia Spadaccini, Jô Bilac e André Sant’anna, com citações de Franz Kafka e Paul Auster.  Concepção, Direção Geral e Escritura Cênica: Bia Lessa. Elenco: Cláudia Abreu, Leandra Leal, Luiz Henrique Nogueira e Rodrigo Pandolfo.  Diretor Assistente: Bruno Siniscalchi.  Assistentes de Direção: Amália Lima e João Saldanha. Concepção Musical: Dany Roland.  Desenho de Som: Estevão Casé. Figurino: Sylvie Leblanc.  Assistentes: Julia Barreto e Clara Lessa.  Iluminação: Bia Lessa e Wagner Freire. Cenografia: Bia Lessa.  Fotos: João Caldas.  Direção de produção: Mario e Canivello e Dadá Cardoso.  Assistente de produção: Nana Martins.

Serviço: 

“PI – Panorâmica Insana”

Local: Grande Teatro Sesc Palladium. Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro, Belo Horizonte/MG.  Duração: 80 minutos. Classificação: 16 anos. Gênero: Drama
Data:
23 e 24 de março de 2019, sábado, às 20h, e domingo, às 19h

Ingressos: Plateia I – R$80 [inteira] e R$40 [meia-entrada]. Plateia II: R$70 [inteira] e R$35 [meia-entrada]. Plateia III: R$50 [inteira] e R$25 [meia-entrada]. Horário da Bilheteria: terça-feira a sábado, 12h às 21h. Domingo: 12h às 20h. Vendas online: https://www.ingressorapido.com.br ou bilheteria do teatro

Informações: 31 3270-8100   Site: www.teatroemmovimento.com.br