O programa Jovem Músico BDMG comemora a sua maioridade e mais uma vez abre  inscrições para a nova safra de músicos mineiros. Dedicado a músicos eruditos, a série de recitais oferece à nova geração a oportunidade de se apresentar na Sala Juvenal Dias, da Fundação Clóvis Salgado.

Criado em 2000, pela então presidente do BDMG, Marília Salgado, a série de recitais foi pioneira em Belo  Horizonte. “A série Jovem Músico BDMG foi criada para dar oportunidade aos estudantes mineiros de música erudita de se apresentarem em recitais organizados profissionalmente. Penso que talvez seu grande sucesso advém do caráter de abertura que o define, incluindo vários níveis de adiantamento dos músicos na seleção, ao contrário de concursos que premiam poucos candidatos”, pontuou.

O atual presidente do BDMG Cultural, jornalista Rogério Faria Tavares, considera o Jovem Músico um excelente espaço para que os novos talentos se afirmem e se exponham ao público: “É um momento privilegiado de apresentar à plateia o resultado de muito estudo, esforço e dedicação à arte. Minas Gerais é um celeiro impressionante de artistas de alta qualificação, que precisam ser devidamente reconhecidos e valorizados. O dever do BDMG Cultural é promover o encontro entre eles e a comunidade”, pontua.

 Henrique Rocha, Rhaniel Veríssimo, Gustavo Machado, Jovem Músico 2017   Foto/Élcio Paraíso

Para participar, os interessados devem ser mineiros ou residirem no estado há mais de dois anos, além de ter até 25 anos. Poderão ser inscrever cantores e os seguintes instrumentos: violão clássico, violino, viola clássica, violoncelo, contrabaixo erudito, flautas, clarineta, oboé, fagote, trompa, trompete, trombone, tuba, bombardino, percussão sinfônica, piano, harpa, saxofone erudito, cravo, viola da gamba, tiorba, oboé barroco, viola d’amore, flauta barroca e transverso.

As inscrições para fazer parte da programação de recitais, que vai de julho a dezembro de 2018, estão abertas até o dia 3 de maio.O regulamento e ficha de inscrição estão no site www.bdmgcultural.mg.gov.br.

Mais informações: 31 3219-8691 /  31 3219-8656