ArteSacra Lourdes 1

Etnia do Luxo é uma celebração a todas as mulheres do mundo e nome da coleção verão 2015 da Arte Sacra Coutture, que participa da 14ª edição do Minas Trend (7 a 10 de abril, no Expominas). A marca, criada há 23 anos pela artista plástica Maria Rita Malloy,  buscou no próprio tema do MT – “Sob os Olhos do Mundo” – inspiração para os belíssimos modelos de festa da próxima temporada. O Brasil, ao sediar a Copa do Mundo, vai se tornar uma terra de encontro de povos e a grife mineira exalta em cada peça a diversidade feminina.

O passeio étnico do verão 2015 da Arte Sacra Coutture celebra as indianas com uma leitura de luxo do tradicional sári; do mundo árabe veio a inspiração para shapes e bordados em pedrarias coloridas e caftãs; estamparias primorosas e detalhes em miçangas evocam as africanas; belas edições de quimonos remetem às japonesas; moulages e drapeados vêm da cultura grega;  pinturas corporais e colares representam as mulheres indígenas.

Para harmonizar as diversas inspirações culturais da coleção, a grife trabalhou com uma cartela cromática privilegiando tons de azul, verde, orquídea, lavanda, rosa, pink, amarelo, vermelho e laranja e  delicadeza de nudes e rosês. O dourado pontua as peças, como adornos em ouro e o branco sugere a leveza do próprio verão.

Automatically generated PDF from existing images.O comprimento midi é destaque da temporada do verão 2015, assim como saias em shapes godê dando amplitude e movimento. Haute couture com sutis referências esportivas aparece em bolsos estilizados nos modelos em tecidos nobres como crepes, tafetá, rendas em jacquard metalizado e cetim. A Arte Sacra trabalha divinamente bordados e pedrarias e na próxima collection cristais tcheco e Swarovski, linhas e vidrilhos também formam desenhos ícones das diversas culturas interpretadas em cada peça.

Na linha Mariée, segmento para noivas da grife, a equipe de criação e estilo e levou o mesmo conceito de Luxo Étnico para a nova coleção – com delicadeza e encanto nas peças em branco e off white. Aplicações de rendas, fitas, bordados trabalhados no tule e o farfalhar de sedas com brilho suave no verão 2015. Novidade é o recorte a laser no cetim, técnica que permitiu a simulação de folhagens e texturas inusitadas.

Os efervescentes anos 30 em Vernissage, a coleção do inverno

Quem já está ardendo de paixão pelo verão 2015 da Arte Sacra Coutture vai ficar com o coração acelerado com Vernissage, a coleção deste inverno, inspirada nos anos 30 e sua efervescência de arte, cultura, comportamento. As inspirações são de fontes irresistíveis – estilistas ícones da história do vestuário da época, artistas e movimentos de vanguarda:  modernismo,  surrealismo e também as divas do cinema que exalavam poder, sensualidade e feminilidade na aparentemente banal cruzada de pernas e no olhar mixando mistério e promessas.

A década de 30 foi trabalhada com o frescor dos tempos atuais e com duas características – a delicadeza de bordados e pedrarias em tecidos nobres e o uso de  tecnologias que permitem criações inusitadas e efeitos fantásticos. Transparências veladas em modelos sensuais e classudos em tecidos como devorés, tule, chifon, organza e cetim, além de rendas divinamente trabalhadas. Nesgas, fendas, decotes imodestos criam o efeito glamour – com a elegância de uma lady.  Queridinho: o shape sereia valorizando as linhas do corpo, especialmente nos dress curtos. Oh, sim! vestidos e looks em edição luxo vão além dos modelos longos – o tecido, o corte, a perfeição dos acabamentos é que traduzem a nobreza coutture. Por Beth Barrabethbarramod@gmail.com (Cróquis e imagens – divulgação da marca)

Arte Sacra inv 2014 a1

Arte Sacra inv 2014 a7jpgArte Sacra inv 2014 a4jpgArte Sacra inv 2014 a5jpgArte Sacra inv 2014 a8jpg