Para receber a primeira edição do festival Semana Criativa de Tiradentes Tiradentes, histórica e charmosa cidade mineira, assim como o restante do estado tem vocação para o design e artesanato. Concentra grandes talentos que pintam, tecem, bordam, esculpem em pedras, talham madeira, trabalham com o ferro, renovam materiais de demolição e dão novos usos e significados para  uma infinidade de peças e objetos.

É neste ambiente criativo e genuíno que nasce a Semana Criativa de Tiradentes, um evento anual que reunirá talentos de todo o país, de 26 a 29 de outubro, para trocar conhecimentos, discutir, produzir, fomentar a economia criativa e estimular o empreendedorismo.

A proposta do festival é promover o intercâmbio de conhecimento entre o contemporâneo e o tradicional para levar renovação e frescor para o artesanato local. E principalmente resgatar tradições e valorizar o design de raiz.

TIRADENTES DESIGN 20170707_167_INTERNET

Grupo de artesãos de Tiradentes (MG)  Foto/João Bertholini

Por isso, seis renomados designers brasileiros foram convidados a cocriar ao lado de cinco artesãos locais antes do festival. A expectativa é que os artesãos multipliquem os conhecimentos que adquiriram durante o processo em suas comunidades, engajando mais pessoas para as próximas edições.

Designers e Artesãos Convidados

Os designers convidados são Daniela Karam; Mauricio Arruda; Maria Fernanda Paes de Barros (Yankatu); Paulo Alves; e a dupla André Bastos e Guilherme Leite Ribeiro, do estúdio Nada se leva. Os artesãos confirmados são: a bordadeira dona Maria; dona Lilia, que produz as cruzes de Tiradentes; o marceneiro e serralheiro Wagner Trindade; o escultor de arte sacra Rondinelly Santos; e o escultor em pedra-sabão Expedito Jonas de Jesus.

“A Semana Criativa é dividida em vários módulos, que incluem, além do laboratório de designers com artesãos locais para que troquem conhecimento e produzam juntos; palestras e bate-papos sobre criatividade, empreendedorismo, design e artesanato de tradição; workshops de ‘DIY’ – Do it Yourself -; para engajar as pessoas que não têm relação com design; e até um ‘agulhaço’ que vai acontecer dentro de uma igreja histórica e ganhar a praça principal da cidade, onde vamos unir tricoteiros, crocheteiros e bordadeiros para trabalharem juntos – coloquei no masculino de propósito porque hoje também já tem muito homem que aderiu às agulhas. O objetivo é que, no futuro, Tiradentes também seja reconhecida por ser um importante polo de discussão de economia criativa, assim como o é em outros segmentos”, explica Simone Quintas, idealizadora do Festival.

Homenagem

Uma exposição de móveis e objetos, que marcaram a história da Oficina de Agosto, homenageia o  projeto criado por Antonio Carlos Bech, o Toti, no início dos anos 1990, com artesãos de Bichinho, vilarejo próximo de Tiradentes, no município de Prados. Toti criou um estilo, formou talentos, gerou nova fonte de renda para as famílias locais e deu novo significado ao artesanato da região. Até hoje, a Oficina de Agosto é uma referência importante do artesanato mineiro para o país.

Ações Paralelas

Artistas, restaurantes e pousadas serão estimulados a criarem ações durante o evento para os turistas e participantes do festival. Um Guia reunirá toda a programação do evento, ações especiais, pontos turísticos da cidade, indicações ebranded content dos patrocinadores.

Idealizadores

TIRADENTES DESIGN Simone Quintas-foto Lufe Gomes_ imprensa

 Simone Quintas  Foto/Lufe Gomes

 Festival Criativo de Tiradentes é um projeto idealizado pela jornalista Simone Quintas, que, durante 20 anos, trabalhou na Casa e Jardim, Editora Globo, –  9 deles como diretora de redação –, onde se apaixonou pelo artesanato de raiz e pelo design. Com o festival, uniu suas duas paixões e, ao lado do sócio, Valmiro Junior, produtor de eventos, festivais e projetos culturais há 17 anos e de parceiros, quer resgatar, valorizar e divulgar produções genuinamente brasileiras.

 Serviço:

A Semana Criativa de Tiradentes. Data:  26 a 29 de outubro de 2017, em Tiradentes-MG

Palestras confirmadas:

Slow Design e Qualidade de Vida com o especialista em estratégias criativas de consumo e de marca, Álvaro Guillermo.   Criatividade à Brasileira com Clotilde Paz.   Retrato da Casa com o fotógrafo Lufe Gomes (Life by Lufe).   Clientes são mais importantes do que Designers, com Maurício Arruda.   Design Afetivo, com o designer Paulo Alves.   Nosso Jeito de Morar: um novo Ohar sobre a Arte Popular e o Artesanato, com Evelyn Müller e Zizi Carderari (Projeto Sertões).   Tendências do Morar com a redatora-chefe de Casa & Jardim, Thaís Lauton.

Exposições: 

Artesãos e Designers: Produtos em pedra-sabão, madeira, metal e bordado produzidos por talentosos artesãos locais em parceria com os designers André Bastos e Guilherme Leite Ribeiro (Nada se Leva), Daniela Karam, Maria Fernanda Paes de Barros (Yankatu) e Paulo Alves.

26 anos da Oficina de Agosto: Homenagem ao Toti, idealizador da Oficina de Agosto no início dos anos 1990, projeto que transformou a vida do até então desconhecido vilarejo Bichinho, em Prados (MG).

Projetos Sertões: Exposição de fotografias que retratam as expedições em buscas de mestres-artesãos nordestinos feitas pelo coletivo do Projeto Sertões.

Agulhaço:  Cheios de inspiração e com muita delicadeza, bordadeiros, tricoteiros, crocheteiros e fuxiqueiros vão ocupar o Largo das Forras, principal praça da cidade, para fechar a Semana Criativa de Tiradentes, no dia 29 de outubro.

Os produtos expostos nas exposições estarão disponíveis para venda durante o evento.

Compartilhe… Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone