O box é primordial para deixar o ambiente mais funcional, organizado e sequinho. Além das suas funções práticas, confere mais harmonia ao espaço de banho

Atualmente, há vários modelos de box no mercado, como o de correr, o de ângulo, o box para a banheira, entre outros, em vidro ou em acrílico. Uma série de fatores são considerados na hora da escolha. “A definição de um box se inicia pela definição do layout. Analisamos se a porta de correr ou de abrir é mais adequada e a partir disso é feita a escolha do modelo, altura e ferragens”, explica a arquiteta Marina Dubal.

SITE DECOR BOX

Foto Henrique Queiroga/Divulgação

 

A profissional conta quais são os box mais utilizados atualmente: “O box padrão, em blindex e estrutura em alumínio natural, com portas de correr e ou de abrir, são os mais empregados nos projetos. No entanto, cada vez mais, orientamos os clientes a investirem um pouco mais em fechamento e em ferragens para valorizar o ambiente de banho”.

SITE DECOR BOX 1

Foto Daniel Mansur / Divulgação

A designer de interiores Iara Santos não esconde sua preferência pelo box translúcido na altura do teto do banheiro. “Ele é mais bonito, sofisticado e agrega mais design ao espaço”, defende. Mas alerta: “Ele só pode ser utilizado caso haja uma janela no box para que tenha circulação de ar e boa ventilação. E dessa forma não haverá criação de limo por causa do excesso da umidade”.

Iara destaca os erros mais comuns na escolha. “As pessoas erram muito na questão do espaço disponível que muitas vezes, é pequeno e não comporta um box com porta giratória, mesmo assim, ele é especificado e, por isso, fica esbarrando em outros objetos. Outro erro comum é não deixar uma abertura, um transpasse, para que a limpeza do box de correr seja realizada.

Para a manutenção, os cuidados são simples. “A limpeza deve ser com água e detergente neutro, deve-se utilizar um pano sem pelo para a secagem”, encerra Marina Dubal.

Compartilhe… Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone